Consultório Psicanálise II

Voltar
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Personalidade no ambiente com zonas de trabalho e atendimento bem definidas
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Personalidade no ambiente com zonas de trabalho e atendimento bem definidas. Pórtico do saber conformado pela estante
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Iluminação indireta por sanca de luz. Tapete geométrico na paleta de cores do projeto.
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Área de atendimento ao paciente, com desenho geométrico no tapete e revestimento vinílico nas paredes para maior conforto acústico
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Biblioteca e escrivaninha para o escritor. Piso vinilico como revestimento de parede e melamina preta nos móveis
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Design de Interiores. Biblioteca e escrivaninha para o escritor. Piso vinilico como revestimento de parede e melamina pretas nos móveis
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Detalhe das estantes Biblioteca sem apoios verticais
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Biblioteca e escrivaninha para o escritor. Fita de LED embutida na estante para iluminação da área de trabalho
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Detalhe para o pé em perfil tubular alumínio preto e gavetas no tampo
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Sala de espera
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Sala de espera
CUBIK Arquitetura - Projeto consultório de psicanálise Mario Corso. Corredor


fotos: Roberta Gewehr